Maria Dolores Home

Inspirações e perspectivas da designer

Nossa designer expressa sua energia e paixão pela arte através dos traços contemporâneos de suas joias, desenhadas uma a uma. Conheça um pouco mais sobre o ponto de vista e as inspirações de Maria Dolores.

 

Qual a sensação de estar completando seu décimo segundo ano de marca?

R: Realização! Tudo o que eu vivo é um grande sonho e venho conquistando um pedacinho dele a cada dia. Sinto-me muito abençoada por fazer o que amo e poder levar boas energias para quem usa minha arte. Isso é algo que vai além da beleza. Me sinto muito feliz por oferecer oportunidades a tantas pessoas, especialmente a esse meu time 99% feminino. É bom saber que o nosso trabalho tem o poder de transformar vidas. Minha marca me traz uma satisfação imensa e conseguir expressar essa felicidade através das minhas criações é um presente para mim.

 

Qual a situação mais incrível que sua marca já lhe proporcionou?

R: Minha história é repleta de momentos especiais. Cada lançamento, cada recebimento dos protótipos das novas coleções ou cada nova parceria, enfim, tudo isso é incrível! Mas um acontecimento que me marcou de forma especial foi a minha exposição na Fundació Joan Miró, em Barcelona, quando tive o privilégio de expor minha arte ao lado das obras desse gênio que tanto admiro. Miró é uma grande inspiração, e esse foi, com certeza, um momento SURREAL.

 

Qual a sua etapa preferida no processo criativo de uma coleção?

R: Amo a etapa de pesquisa, onde faço meu compilado de inspirações. Após isso, vem a mágica deliciosa que é transformar o abstrato em concreto. O processo de passar minhas ideias para o papel também é um momento muito especial. Coloco uma playlist bem deliciosa e me entrego. É como se eu saísse desse mundo e me transportasse para um universo só meu.

 

Quais as coleções que mais te marcaram?

 R: Todas possuem um lugar bem especial no meu . Cada uma vem carregada de uma história, de um momento que vivi e quis contar através das joias. Ou seja, todas são extensões dos meus sentimentos e pensamentos. Por isso, é difícil escolher uma só.

 

A sua percepção sobre o mundo da moda ao longo desses anos mudou muito?

R: Minha marca nunca seguiu calendários ou movimentos da moda global. Sempre acreditei muito em nosso propósito e sigo firme nele desde o início. Assim, criamos nossa própria “moda”, identidade e conceito. Moda para mim é expressão, é linguagem através do que usamos. Por meio da minha arte consigo expor o que sinto, o que quero dizer e o que sonho transformar. Penso que a moda deve ir muito além de questões comerciais e estéticas. Conceitos como responsabilidade, respeito e verdade, sempre estiveram presentes no meu trabalho e na minha forma de pensar.

 

Além dos pintores que você ama, quem mais a inspira?

R: Quem me inspira são pessoas que realizam sonhos, pessoas que acreditam em si mesmas, pessoas visionárias. Elas me inspiram! Na moda, admiro Coco Chanel. E na vida, Walt Disney.

 

Um aprendizado que você carrega para sempre:

Acredite em si mesmo. Se você tem um sonho e acredita que pode dar certo, faça com que ele aconteça. Foque e deposite as melhores energias em tudo o que fizer! A energia que você espalha é a mesma que recebe. E isso na minha vida é muito real.